Termos e condições

 

Encomendas - como proceder:

A sua encomenda poderá ser efetuada diretamente no nosso site, necessitando  para isso de se registar preenchendo os seus dados no formulário respetivo o mais completo possível.

Depois poderá escolher os artigos desejados adicionando no carrinho de compras. Em seguida finalize a sua encomenda preenchendo os campos com a informação da forma de pagamento e caso deseje pode alterar a morada de entrega (caso não seja a mesma da de faturação).

No final receberá um email automático de confirmação na sua caixa de correio electrónico.

Nota: Por vezes o email automático é considerado Spam, por isso verifique também a secção do lixo electrónico do seu email.

Poderá também fazer a sua encomenda para o email geral@paulusstore.com indicando os artigos que deseja receber com o seu nome, morada completa e contacto telefónico.

Todos os dados são confidenciais e servem para o processamento de entrega das encomendas.

Todos os produtos encomendados ou reservados, após estarem disponíveis ficam reservados até 5 dias úteis, período após o qual a Paulus Store considera a encomenda ou reserva sem feito, caso estime que a reserva seja superior a 5 dias contacte o nosso departamento comercial, através do email geral@paulusstore.com.

Após efectuar a sua encomenda receberá varias etapas do seu pedido por email até a sua finalização.

Poderá consultar o estado das suas encomendas no nosso site www.paulusstore.com, na área de utilizador.

 

Preços, promoções, textos e fotos:

Todos os preços de artigos expostos na loja online incluem IVA à taxa em vigor e são válidos apenas para compras online.

Todos os preços, promoções, textos e fotos poderão ser alterados sem aviso prévio.

 

Cancelamento de encomendas ou devoluções:

Reserva-se a Paulus Store o direito de, em qualquer altura e sem aviso prévio proceder ao cancelamento e não envio de encomendas.

A nossa loja compromete-se a cumprir com os termos do 1º ponto do artigo 6º do decreto-lei 143/2001, o qual estipula que nos contratos à distância o consumidor dispõe de um prazo máximo de 14 dias para resolver o contrato sem pagamento de indemnização e sem necessidade de indicar o motivo.

Para proceder a devolução basta fazer o envio dos artigos tal como os recebeu, para a morada que será indicada no acto da recepção da encomenda.

Pedimos apenas que nos informe se deseja ser reembolsado ou se pretende efectuar troca por outro artigo e neste caso indicando qual.

Só será restituído o valor do produto. As despesas de envio e cobrança são da responsabilidade do cliente.

Para a devolução de artigos deve ser usada a embalagem original e devidamente acondicionada.

No caso de artigos danificados ou avarias, quer de origem, devido a transporte ou dentro da garantia, não nos comprometemos a suportar as despesas inerentes à devolução de novo envio. Não procedemos a reembolsos nem a troca de artigos de utilização íntima, no caso das embalagens ou artigo, se encontrarem violadas ou com sinais claros de utilização, nomeadamente, etiquetas retiradas ou danificadas na abertura. Por isso agradecemos que verifique se lhe agrada o artigo antes de retirar o plástico envolvente sem o qual não podemos aceitar a devolução do produto. No caso da lingerie sugerimos que experimente com a sua roupa interior vestida.

 

Garantia: 

Todos os nossos artigos usufruem de garantia de acordo com a legislação em vigor.

Os produtos que propomos estão sempre sob avaliação de padrões exigentes de qualidade (alergias e danos físicos), o que nos permite uma garantia de satisfação.

Consideramos importante as opiniões, sugestões e reclamações dos nossos clientes pelo  contributo que trazem a uma permanente melhoria, assumindo desde já o compromisso de que privilegiaremos sempre o respeito pela intimidade do nosso cliente.

Para todos aqueles que nos visitam, um muito obrigado e boas compras!

 

Competência para dirimir litígios de consumo
1. Em caso de litígio de consumo, definido nos termos do disposto na Lei n.º 144/2015, de 8 de setembro, o consumidor pode recorrer à entidade de resolução alternativa de litígios de consumo competente.
2. Sem prejuízo do disposto na legislação, nos estatutos e nos regulamentos a que as entidades de resolução alternativa de litígios de consumo se encontram vinculadas, o consumidor pode optar pela plataforma europeia de resolução de litígios em linha disponível em https://webgate.ec.europa.eu/odr, pela entidade de resolução alternativa de litígios de consumo do local do seu domicílio ou pela entidade de resolução alternativa de competência especializada, caso exista para o setor em questão.
3. Caso não exista(m) entidade(s) de resolução alternativa de litígios nos termos do disposto no número anterior ou a(s) existente(s) não se considere(m) competente(s) em razão do valor do litígio, o consumidor pode recorrer ao Centro Nacional de Informação e Arbitragem de Conflitos de Consumo, sito em Lisboa, com o endereço eletrónico: cniacc@unl.pt e disponível na página www.arbitragemdeconsumo.org.